2007/11/21

Há algo

de estranho neste comportamento suicidário. Ou talvez não...

Relatório das Nações Unidas refere que Portugal está em quarto lugar quando se fala de diagnóstico de novos casos (de HIV), mas não relaciona números com proporção populacional. Quando se fazem essas contas, passamos de imediato para o primeiro lugar. in Meia-Hora, 21 de Novembro 2007

Se pensarmos na diminuição dos nascimentos e cruzarmos com esta informação, que não é novidade, parece que os portugueses, inconscientemente, decidiram que Portugal não vai continuar a existir. É uma maneira de tirarem o tapete às "élites": sem população deixam de ter país para explorarem... Não vale é a pena andarem a suicidar-se aos pedaços, e de todo morrerem como criminosos ao arrastarem desprevenidos. Como acontece, por exemplo, nas ruas e estradas portuguesas...


Contrastes

Estudo europeu conclui que, em Portugal, ter um emprego não significa que se esteja a salvo da miséria. Portugal é também o país com maior disparidade nos rendimentos.
...
França quer mais poder de compra. in Global notícias, 23 de Novembro de 2007


De cabalos para vurros

o PIB per capita português equivalia em 2005 a 69 por cento da média dos 30 países daquela instituição (OCDE), contra 72 por cento três anos antes. in Público, 22 Novembro 2007, pag 40


Ui...

Responsável suíço acusa "comunidade portuguesa de não ter cabeça"

Conselheiros das Comunidades Portuguesas indignados e apontam culpas para o embaixador
...
O documento constata que os alunos portugueses obtêm os resultados mais baixos entre estrangeiros, estão sobre-representados nas turmas de ensino especial e raramente acedem a uma formação pós-obrigatória.
...
No documento, refere, entre outros aspectos, que os fracos resultados escolares das crianças portuguesas devem-se "ao desinteresse total dos pais em acompanhar" a educação dos filhos e à "origem socio-cultural modesta" das famílias. in Semanário, 9 de Novembro de 2007, pag 20








e-mail: criticademusicaATyahooPUNTOfr