2008/04/23

Dia do Livro

Livros, recomendaria muitos, mas eu próprio não sou um leitor compulsivo, apesar de ter estudado filosofia. Ou talvez por ter estudado filosofia...

Mas, assim de repente, aconselho todas as obras da Marguerite Yourcenar, porque a senhora é genial. Aconselho o Quinteto de Avinhão, de Laurence Durrel, porque é fabuloso, e do Slavoj Zizec aconselho As Metastásis do Gozo, pela sua complexidade e pertinência, assim como alguns dos textos contidos em Violência no Acto, que acho não estar traduzido para português apesar de eu estar a traduzir o título. Claro, há também The sublime object of ideology, que é quase uma obra de culto...


Concursos manipulados

Grande parte dos concursos abertos pela Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Algarve (DRAPALG) e, de um modo geral, em toda a função pública, são concursos que, à partida, já os dirigentes sabem quem vão colocar em primeiro lugar...
-
De modo que, o Papa Açordas, a bem do Serviço Público, resolveu denunciar estas manobras, tendo assim publicado em 7/Dez/2007, o resultado final de um concurso que só ia terminar daí a 4 meses, portanto, já em 2008.
-
Como pode verificar pelo "post" que então publicámos, os resultados foram precisamente aqueles que indicámos, assim para:
-
Dir. Serv. de Planeamento e Controle: J.P.V.S.M. - João Pedro Valadas Silva Monteiro
-
Dir. Serv. Apoio e Gestão de Recursos: M.J.M.A.N. - Maria João Mendes Almeida Nabo
-
Dir. Serv. Val. Amb. e Apoio à Sustent.: M.N.V.L.D. -Mário Nuno Valente Lopes Dias
-
Dir. Serv. de Agricultura e Pescas: J.M.E.F. - José Manuel Entrudo Fernandes
-
Como então informámos, o concurso para a Direcção de Serviços de Inovação e Competividade não foi aberto, porque o candidato oficial, Júlio Mendes Isidoro Cabrita, actual director do ex-Ifadap/IFAP, ainda não tem a respectiva lei orgânica aprovada, ficando o lugar em "alqueive" à sua espera.
-
Saliente-se que este dirigente, na mudança que fez de Faro para o Patacão, "esqueceu-se" de meia dúzia de funcionários nas instalações da Rua Vasco da Gama, em Faro, aos quais não lhes é distribuído qualquer trabalho... Dentro de pouco tempo, contaremos em pormenor este caso...
-
Dada a gravidade da situação, o Papa Açordas vai apresentar o caso na Procuradoria Geral da República e aos líderes parlamentares dos partidos com assento na Assembleia da República.
-
Como é costume, o sr. ministro, assobia para o ar... in papaacordas.blogspot.com (22 de Abril de 2008, 9:25 )

e-mail: criticademusicaATyahooPUNTOfr