2008/06/06

Portugal acusado de favorecer tráfico de pessoas

As punições dos tribunais portugueses são "inadequadas", refere o Departamento de Estado americano. Dos 65 acusados em Portugal em 2006, apenas 49 foram condenados e só oito cumpriram prisão, 38 tiveram pena suspensa e três foram multados. Portugal é um país de destino e de trânsito para mulheres, homens e crianças traficadas a partir do Brasil, Ucrânia e Moldova para exploração sexual. In Global, 6 de Junho, pag 5


Criminosos sem castigo

Não há palavras para qualificar o que se passa na Birmânia e a falta de acção internacional "decente" para acabar com esses tiranos, que não são de opereta porque o terror, a miséria, o trabalho escravo, os mortos são bem reais, desde há 46 anos. E para que serve o Tribunal Penal Internacional se facínoras como os de Rangum não são julgados, ou, no mínimo, não se faz tudo para que o sejam? José Carlos Vasconcelos In Visão, 15 de Maio, pag 48

Comentário: sim, para que serve o TPI? O TPI que aparenta ser "indomável" em relação ao que acontece na Europa (fiquemo-nos, neste momento, pelo aparenta...), fecha sistematicamente os olhos ao que acontece fora dela. Em África, por exemplo, Mugabe (que foi convidado de Portugal na cimeira Europa/África) há dias mandou prender Morgan Tsvangirai e outros dirigentes da oposição que andavam em campanha para a segunda volta das eleições presidenciais. Para que serve o TPI? Serve para o habitual folclore à volta dos direitos humanos na Europa. Para a Europa mostrar ao mundo que tem valores elevados e os faz cumprir...


Uma simples ilustração:

em 2000, o número de mortes relacionadas com os combates em Burma não era superior a quinhentos, mas o número de "deslocados internacionais" - largamente devido às actividades do exército de Myanmar - era de cerca de um milhão. Margareta Sollenberg citada por Eric Hobsbawm In Globalização, Democracia e Terrorismo, pag 44 (editorial presença)


Títulos que fascinam ;)

“RTP 1 com lucros de dois milhões”

in Correio da Manhã
04 Junho 2008

“Estado prevê pagar mais de 480 milhões à RTP”

in IOL Diário
23-05-2008

“No ano passado, a RTP recebeu no total 314,9 milhões de euros, no total das três fontes de financiamento: a indemnização compensatória paga pelo Estado, a receita com a contribuição para o audiovisual paga pelos portugueses na factura da luz e a publicidade.”

Pelas contas do Sr. “Engenheireiro”, 315 milhões correspondem a quase 1% de IVA. Como ele, coitado, diz não saber onde cortar na despesa para poder baixar impostos, fica aqui mais uma sugestão(zinha)… à borla. E quando precisar de mais é só dizer. ;) Doe, 6 Junho às 11:12 In blasfemias.net (comentários)


Depois disto:

European Parliament to ban Eurosceptic groups

Plans to eliminate Eurosceptics as an organised opposition within the European Parliament are expected to be agreed by a majority of MEPs this summer.

The European Union assembly’s political establishment is pushing through changes that will silence dissidents by changing the rules allowing Euro-MPs to form political groupings.

Richard Corbett, a British Labour MEP, is leading the charge to cut the number of party political tendencies in the Parliament next year, a move that would dissolve UKIP’s pan-European Eurosceptic “Independence and Democracy” grouping.

Under the rule change, the largest and msot pro-EU groups would tighten their grip on the Parliament’s political agenda and keep control of lavish funding. Bruno Waterfield In telegraph.co.uk, 6:53PM, 27/05/2008

Só me resta colocar-me ao lado dos que pedem aos Irlandeses para dizerem Não ao Tratado de Lisboa.

Labels: , ,

e-mail: criticademusicaATyahooPUNTOfr